O que viramos.

Estou cansado. Vc não? A gente encontra respostas pras nossas perguntas, estuda o assunto, se envolve com aquilo, conhece pessoas, encontra a realização depois de algum tempo, se encontra.
É óbvio que se trata de um espaço generoso, que cabe todo mundo, por sinal, uma de suas maiores virtudes. Mas, ainda assim, um espaço para quem gosta especialmente daquilo, não que seja usado pra outras finalidades.
Antes, era algo tímido, que a gente ia lidando. Não é assim sempre, em todos os lugares? Sempre tem os "espertinhos"?
Mas depois foi virando outra coisa, e fomos tomados, viramos minoria.
De sérios e respeitados, viramos dinossauros, gente de mente antiga. Que não se enquadrasse, era arcaico. 
Convenhamos, era tentador ceder à "nova onda". Tudo era tão fácil, tão sem regras. Se marcava sexo dias depois de se conhecer, se podia publicar qualquer texto se passando por autor, qualquer conversa fiada tinha verniz de algo profundamente intelectual.
O que não se faz por uma (boa) trepada.
Virou um mercado popular, daqueles que nunca se acha produto bom, verdadeiro.
Cansei, vc não?
Não sei onde isto vai parar, mas não me parece no bom rumo.
Talvez venha uma onda retrograda mais à frente, destas que vira e mexe acontece. Quem sabe surja uma nova vida ainda mais exuberante do que nós vivemos, ainda melhor, que nos faça querer voltar... Que não seja muito tarde.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Frase da semana.

Postura.

Cadelas...