Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

Refém do Personagem

Não importa se vc entrou no BDSM pela porta da frente ou dos fundos, se foi por causa de uma busca de tempos ou por ter caído de paraquedas, vc só permanecerá tanto tempo se vc for do meio. De resto, passará um tempo se divertindo ou dando cabeçada, encontrando parceiros que completem sua necessidade ou, nem isto. Mas entre tantos riscos, tem um que pouco ou nunca se fala, se tornar refém do personagem. Entrar no BDSM significa, pra qualquer um, criar uma "identidade", mutável sim, até pelo aprendizado, evolução ou, em alguns casos, mero oportunismo. Em algum momento vc vai achar sua identidade e dará vida a ela. Observo que estou me restringindo àqueles que permanecem no BDSM, se encontram com as práticas e ideais. E tudo que vc colhe com sua "identidade" se torna tão forte, que se espalha até por quem está por trás da identidade. Experiências e vivências que são únicas e tão especiais, que durarão pra sempre. Não que te sustentarão pra sempre, é diferente. E, se vc se …

Subs Inteligentes

Vc pode acreditar que sub deve ser nula, dependente e... burra. Em tom mais amenos, pouco inteligente. Se pensar bem, subs são essencialmente corajosas a ponto de se entregar e se deixar nas mãos de outrem, se submeter a decisões que não são suas, aceitar situações simplesmente pq confiam no condutor. É possível, claro, que ainda assim elas não tenham noção completa do que representam, e que vc precise agir, com responsabilidade, para cuidar que ela sempre se mantenha no prumo, ou seja, intervir com mais frequência orientando, guiando, protegendo. Contudo muitos doms (observem a inicial minúscula) preferem subs menos espertas, seja pq fica fácil manipular, seja pq dificilmente serão desmascarados. O grande medo é que haja uma inversão de papéis, mas qualquer dano já é suficiente pra aterrorizar um da espécie. Por outro lado muitos Doms dão preferência pra estas subs pra exercerem um lado protetor, Mentor que, ao fim do processo, seja transformador nas qualidades da sub. É sempre bom lembra…