O BDSM Teórico.

Em muitas profissões se discute o que é mais valioso, se a técnica ou a arte, se o intuitivo ou o conhecimento.

No BDSM a discussão é parecida, mas por outra abordagem.

Conversando com gente do meio, é fácil perceber que, em teoria, todos são muito bons, são conversas que sempre acrescentam algo, ler blogs então é uma delícia.

Dá a falsa impressão de um BDSM forte, consistente, amadurecido.

Quando começamos a avaliar a prática, como a teoria se desenvolve no mundo real, percebemos a grande fragilidade do universo BDSM atual.

Falta fidelidade ao que se acredita em teoria.

Se fossemos tratar como doença, fazer um diagnóstico, eu diria que o BDSM sofre de abaunilhamento, cada vez mais características baunilhas fazem parte das relações BDSM.

Nada contra, desde que dosadas e conscientes, mas quando os envolvidos sequer percebem ou até acham natural, fica fácil entender o pq da atual realidade BDSM.

Em paralelo ao BDSM, vejo que muitos praticam, consensualmente, uma relação de fetiches que tem como base conceitos BDSM, sem o comprometimento e as exigências deste.

Mas o preocupante são os que realmente acreditam fazerem parte do BDSM sério, real.

Como eu disse acima, em teoria dominam, entendem, dão aula.

O BDSM teórico é lindo, maravilhoso, sedutor e, talvez, isto explique pq mais e mais pessoas aderem.

Mas pq é tão difícil transportar a teoria pra realidade?

Uma coisa é certa, cada vez mais as chances de decepção, frustração aumentam, cada vez mais vivemos experiências que abalam nossas convicções ou paixão pelo BDSM, cada vez adentramos em novas relações armados, desconfiados.

Evidentemente nada disto é bom, é um círculo vicioso prejudicial e que merece de cada um de nós que realmente gosta do que vivemos aqui reveja seus conceitos, postura, que procuremos manter a fidelidade aos princípios do BDSM.

De nada adianta conhecer profundamente o BDSM, de nada adianta vender uma imagem envernizada de algo que, quando colocado em prática, é frágil e corrompido por hábitos baunilhas ou sabe se lá o que.

Comentários

sophi disse…
Entendi perfeitamente o que você expôs Eros,refletindo no que li,por praticá-lo exatamente do modo que citou acima(consensualmente).Será que tais pessoas justamente por tão entendedoras não acabam misturando o mundo baunilha como tática para quebrar o gelo,o medo,deixar o parceiro mais a vontade?
Me desculpe se falei alguma besteira,sou realmente leiga no assunto!

Beijo grande...
Entendo suas colocações e seus questionamentos...
Percebo que hoje é muito comum depararmos com pseudo praticantes, aqueles que conhecem barbarmente na teoria e acabam encontrando alguns pontos de fragilidade na relação ao ponto de satisfazer seu ego esquecendo do principio basico a estrada de duas vias, da entrega total, da condução com total confiança e o deixar-se conduzir mais confiante ainda.
Quais são os fantasmas da vida baunilha que nos impedem de seguir?
Podem nossos medos serem maiores que nossos desejos e nosso prazer, somos refens de nós mesmos?
Um amigo ouvindo minhas duvidas e angustias me disse, deixe-se guiar, seja levada por seu instinto e sua sensibilidade, não existe uma receita de bolo.
Hoje percebo o quanto ainda sou imatura e o quanto tenho a crescer, mas crecer sem que isso se torne apenas um assunto onde sou dr ou simplesmente curiosa.
silenciosa sub disse…
Este post me fez rever o próprio conceito e chegar à conclusão de que me encaixo (duramente assumindo) neste tópico..
Vi que sei mais do teórico e menos do prático por me entregar,provavelmente, à relacionamentos errados..
Só me resta então, refletir pausadamente e tentar não errar mais, p/ minha própria felicidade.

Nota: Agradecimentos especias ao Dom Eros por toda dedicação e paciência em me ensinar...
gilliana disse…
Qto ao "abaunilhamento nas relações BDSM acho que depende muito de ambas as partes desde que isso seja uma coisa bem íntima entre as partes envolvidas No meu caso por ex confesso que adoro Sou apenas uma dog player a quase 6anos gosto mesmo de paparicar o Dono escrever coisas bonitas desenhos imagens enfim até porque como no caso do Orkut a maioria das imagens BDSM foram censuradas e muitos amigos nossos do meio foram sumariamente excluídos por esse motivo daí não tem saída mandamos ursinhos cachorrinhos etc mas apenas por medo sermos deletados Quem tem blog passou tudo para ele e quem não tem como eu vai ficando nos bichinhos mas vez em qdo envio alguma coisa mais adequada ao Bdsm No momento é o que me veio a cabeça mas caso eu lembre de outras coisas eu escreverei se desejar Mas aceite meus sinceros mesmo, sinceros parabens pela clareza de seu Blog que pode até não agradar a alguns ou a muitos ,mas é na minha opinião o atual retrato de nosso Bdsm infelizmente Saudações respeitosas de gilliana

Postagens mais visitadas deste blog

Frase da semana.

Postura.

Cadelas...